Estratégia comum para a valorização turística de espaços singulares da área de cooperação Andaluzia-Algarve-Alentejo

Contribuição FEDER
908943
Orçamento Total
1211925
Tipo
INTERREG V - 2.ª Convocatória
Data início
01/07/2017
Data fim
31/12/2021

Resumo/ Principais Objetivos

Valorizar áreas protegidas de alto valor natural, histórico e cultural e aproveitá-las de forma sustentável, gerando atividade económica

Vai trabalhar-se principalmente em 2 áreas protegidas de grande singularidade: Rio Tinto em Huelva e Ria Formosa no Algarve, com o objetivo de recuperar e valorizar o seu património e desenvolver uma oferta turística integrada e atrativa, envolvendo as empresas e emprendedores da zona

Através da dinamização da atividade turística e da promoção de estes 2 destinos, irá aumentar-se o número de visitantes destes espaços e irá melhorar o seu desenvolvimento socioeconómico. Recorre-se a uma estratégia transnacional comum para criar sinergias que permitam aprender mais e alcançar melhores resultados

Descrição/ Atividades do Projeto

1  Cooperação para o desenvolvimento turístico através de uma metodologia comum de definição de estratégias  

2  Investimentos para a vertebração e conexão, acessibilidade e uso turístico

3  Dinamização turística para o desenvolvimento socioeconómico local  

4  Atividades de promoção e marketing dos destinos turísticos

5  Gestão e Coordenação

6  Comunicação

Área de cooperação
Alentejo / Algarve / Andaluzia
Eixo Prioritário
3. Prevenção de riscos e melhoria da gestão dos recursos naturais
Objetivo Temático
6. Proteger o meio-ambiente e promover a eficiência dos recursos
Prioridade de Investimento
6.C: Proteção, fomento e desenvolvimento do património cultural e natural
Objetivo Específico
6.C. Proteger e valorizar o património cultural e natural, como suporte de base económica da região transfronteiriça
Categoria de Intervenção
086. Proteção, restauro e uso sustentável dos espaços Natura 2000
090. Trilhos para bicicletas e caminhos pedonais
091. Desenvolvimento e promoção do potencial turístico dos espaços naturais
094. Proteção, desenvolvimento e promoção dos ativos da cultura e património públicos
Resultados

Estratégia comum para a valorização turística de espaços singulares da área de cooperação Andaluzia-Algarve-Alentejo

poster
Tipo
Audiovisuais

O resultado principal do projeto será o aumento do número de visitantes na Área de Cooperação e, mais concretamente, no contexto doCaminho Natural do Río Tinto, no Parque Natural da Ria Formosa e no tramo onubense da Via Algarviana, sendo o tecido empresarial destas zonas eminentemente ruralis o principal coletivo beneficiado, pois o aumento do turismo está associado a um aumento na atividade económica e, consequentemente, um desenvolvimento socioeconómico nas localidades ligadas a estes espaços. Como consequência deste desenvolvimento socio-económico, toda a população destes espaços será beneficiada com os resultados do projeto.